Muros e murros

MurosTenho observado tudo que muitos observam mas preferem não dizer. Se abstenham e/ou se quiserem me leiam. Retornarei à dar meus murros por aqui. A abstenção são muros. Moro eu um local onde a maioria tem poder aquisitivo baixo mas moram dentro de condomínios, cercado de muros. Detentores de terrenos sem escritura resultante de ardilosas estretégias resultantes da especulação imobiliária. Muros? Traduzo de forma providencial. A essência? Nos armamos e estamos envoltos de muita paranóia gerada pela segurança que foi posta como extremamente necessária. Sei que críticos são excelentes. Excelentes no que não fazem. Porém capacidade crítica e argumentativa é o que tento despertar para através das atitudes mudarmos algo. Se existe suicídio por honro pratico o que gosto e morro feliz tentando fazer. Provocar mudanças. Não sei de onde partiu este hábito de falar mal dos políticos. Políticos somos nós. Somos políticos de nosso dia a dia. Surgiu uma doença moderna. Este mau hábito. Quando alguém começar a falar mal dos nossos governantes experimente perguntar o que esta mesma pessoa faz para alterar a realidade que ela reclama. Tenho um banco de dados e faço superanálises todos os dia com determinadas perguntas. Me arrisco a afirmar que 99 % das pessoas se sentirão acuadas e franzirão a testa após tal pergunta. São muros. Este tipo de perguntas seriam MURROS. Murros não consciência que está isolada por identificação. MUROS. Construímos muros todos os dias. Não aguentamos os murros. Não suportamos. A evasão se torna conveniente. É confortável, atenua.. é interessante no aspecto individual. Deem murros necessários no silêncio. Provoquem a si mesmos. Outro dia assisti uma entrevista do Leonardo Boff onde ele discorria sobre este aspecto. Eckhart Tolle falou sobre o mesmo mas com uma inclinação maior em relação ao ego e a queda do mesmo. Ressaltava a educação do espírito. Estamos vivendo um volume de informação absurdo onde o desejo imediato é incentivado. Os pais se tornaram adolescentes e estão entorpecendo filhos para obter resultados os quais eles mesmos desejam. Se projetam nos filhos como se fosse o próprio desejo imediato. MUROS. Na condição de professor particular de ciências exatas noto isto com mais clareza talvez. Através da matemática sinto o quanto que a base da Vida é a incerteza. Incerteza repleta de MURROS. Muros são certezas. Educação não é inteligência nem obtenção de resultados. Tenho agido e feito para que a instrução seja feita de maneira divertida, lúdica e respeite todas decisões tomadas pelo aprendiz. Educar é deixar livre. Educar é conduzir com serenidade ausente de imposições e cobranças. Qdo nos deparamos com o coletivo a teoria muda. A opinião e a prática altera. Dizem que os loucos vivem uma realidade diferente. Acho que os loucos são atormentados por uma enxurrada consciente e coletiva. Constroem muros inexistentes e são assolados por um sonho de um mundo melhor. Inventam MURROS. Se isolam por identificação. Causam guerra sem fim consigo mesmos. Hoje é aniversário do Freud. ” Quanto mais Pedro fala sobre Paulo mais eu sei sobre Pedro do que sobre Paulo” MUROS! Carl Gustav Jung: ” Tudo que nos irrita nos outros pode nos levar a um entendimento de nós mesmos” MURRO! o famoso tapa de luva de pelica. Einstein pedia para que não confundíssemos educação com inteligência. Educação foi posta como ensino superior e dinheiro. MUROS! Inteligência emocional surge. É despertada através das experiências, formas mais eficazes e maneira mais árdua de aprender. MURROS! Entre quatro paredes tudo pode acontecer. Na cama ou a sala. Autoconhecimento. Transmissão de conteúdo. MURROS. SUSTOS. ESPANTOS. FATOS. PRANTOS. Estamos fartos e impacientes. A escola é fora da sala de aula. Não existem cercas. Você é causador da sua própria mudança. És a revolução em si. Nascemos com isto e fomos tolidos. Modulados. Provoquem MURROS! SEM SUSTOS. ENCARANDO OS PRÓPRIOS MEDOS. O ESPELHO É SUA IGREJA. É LÁ ONDE TODO INCONSCIENTE FAZ COMPLETO SENTIDO. MURROS DE REFLEXO. Um mundo desconhecido e apreciados por poucos que gostam da autonomia. ” Ninguém é sujeito da autonomia de ninguém” Paulo Freire.. o mestre dos MURROS! Subo no meu skate e não tenho espaço na pista. Não existe acostamento e ciclovias no lugar onde existe acesso até a minha casa. Os carros e a pujança motorizada tomou conta. A prancha é a extensão do meu corpo e, lá em cima, estou pronto para os tombos ( MURROS ). A postura de um motorista é, na maioria das vezes, patética e com muros que ele mesmo não vê. E quem sou eu para educar fora da minha área de atuação? Educar seria constranger. Exemplo: Uma pessoa joga um lixo no chão e você aborda: “Acho que você deixou cair sem querer” Estás educando provocando vergonha. E dá certo! Já fiz isto diversas vezes. Alterar a realidade para melhor não é um sonho é um propósito que todos devemos ter. Acrescente para fazer a diferença. Mude seus hábitos. Investigue o seu desconhecido antes da sua formação e antes do que te é imposto e projetado. Sua Vida não tem graça sem risco. Arrisque e volte a ser você mesmo. MURROS de disposição! RAM que RAM a memória é nossa e somos responsáveis por isto. Basta de MUROS. A internet é um veículo do “ascender” e do reflexo individual. Salvo os memes. O espelho. Use-a de forma prudente e consciente. Revolucione. Seja punk até os 18. Os muros disseram. Anarquismo é um conceito político. A autogestão se retroalimenta. Todos nós devemos ser, cultivar e fazer isto. Pelas causas coletivas somos nobres em exercícios. Anarquista do ego não é o playboy. É o cara que está rendido aos muros de si mesmo. O playboy é o desejo. Volte a ser você mesmo. Destrua seus MUROS. Sejam MURROS fortes! >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s